Saúde Terapias

Origem e história do shiatsu: saiba onde e como surgiu essa técnica

Origem e história do shiatsu

O shiatsu é uma das terapias orientais mais difundidas no Ocidente, e a mais conhecida e popular das técnicas de massagem no Brasil.

Mesmo que você não seja um entusiasta em massagens e técnicas orientais, é bem provável que você já tenha ouvido falar dos benefícios que o shiatsu pode trazer para a saúde física, mental e emocional, e do seu papel no tratamento e prevenção de doenças.

Mas você sabia que essa prática é milenar e tem registros de sua origem datados de mais de 2000 anos atrás? Leia este post e entenda mais sobre a origem e história do shiatsu!

O que é shiatsu

O shiatsu é uma técnica de massagem oriental oriunda do Japão, mas que tem suas raízes na MTC – Medicina Tradicional Chinesa.

A prática consiste na aplicação de pressão com os dedos do terapeuta sobre pontos específicos localizados nos canais energéticos do corpo (meridianos) do paciente, por onde flui a energia vital ki.

O objetivo do shiatsu é perceber em quais pontos do corpo há acúmulo (jitsu) ou carência (kyo) de energia e atuar balanceando este fluxo energético a fim de restabelecer a saúde física, emocional e espiritual do paciente.

Origem e história do shiatsu

A cura com o emprego das mãos é mencionada nos mais antigos escritos de civilizações do Oriente como China, Japão, India, Egito, Mesopotâmia.

A origem e história do shiatsu remonta há mais de 5 mil anos, quando sacerdotes taoístas das montanhas da China praticavam uma forma de manipulação corporal e de meditação para harmonizar a energia vital ki.

Mais tarde, esse conhecimento da MTC foi levado ao Japão por meio de diferentes práticas como a acupuntura, o Do-In e a moxabustão.

Mas foi só no século XII que o shiatsu surge no Japão efetivamente, mais precisamente a partir das técnicas de massagem corporal chinesa Anma, que utiliza a fricção e pressão para aliviar a tensão.

Estes registros são encontrados no famoso livro “Princípios de Medicina Interna do Imperador Amarelo” que é um dos primeiros registros formalizados e datados com mais de 2 mil anos de existência.

A evolução do shiatsu como conhecemos atualmente

O shiatsu como a técnica que conhecemos hoje foi desenvolvida pelo japonês Tokujiro Namikoshi.

Com apenas 7 anos de idade, Namikoshi utilizou técnicas de compressão e fricção para tratar sua mãe que sofria de artrite, basicamente seguindo suas intuições e pressentimentos.

A partir dos bons resultados obtidos nesta experiência, ele desenvolveu a sua própria técnica e em 1925 fundou a primeira clínica de tratamento com o método, o Instituto de Terapia Shiatsu, em Hokkaido.

Já em 1940, Namikoshi abriu a primeira escola de aprendizado da técnica, o Instituto Shiatsu, posteriormente conhecido como Escola Técnica de Shiatsu do Japão, na cidade de Otaiya.

No entanto, o shiatsu só começou a ter notoriedade em 1955, quando o governo japonês reconheceu a prática, porém em conjunto com a sua técnica originária, o Anmá. Foi somente em 1957 que veio o reconhecimento oficial da terapia de forma independente.

Atualmente, a técnica é bastante popular no Japão e no Ocidente, sendo indicada para prevenir e tratar várias doenças, tais como: dores na coluna vertebral, nas articulações, insônia, TPM, tensão, asma, espasmos musculares, stress, ansiedade, doenças cardíacas, dores de cabeça, entre outros. Além disso, diversas escolas ensinam o shiatsu como um pré-requisito para o aprendizado de técnicas de acupuntura, por exemplo.

Você imaginava que a origem e história do shiatsu era tão antiga e complexa? Então que tal conhecer melhor a Anma, técnica que deu origem ao shiatsu? Confira o nosso post sobre essa prática!

Último Vídeo do Nosso Canal


/* ]]> */