Moda

Piercing no dedo: dicas, cuidados e fotos

Piercing no dedo

Perfurações um tanto quanto diferentes ganharam fama nos últimos anos. Você sabia que agora é possível colocar piercing no dedo? Aliás, provavelmente você já deve ter visto gente no metrô ou pelas ruas com algo parecido.

O piercing no dedo é para quem adora as modificações corporais mais diferentes e atuais, e é justamente isso que o piercing no dedo é: mais uma forma diferente de modificar o corpo.

Mas além de ser uma forma diferente e nova de modificação, algumas pessoas escolhem o piercing no dedo como um tipo de aliança, antigamente alguns casais optavam pela tatuagem. Um dos famosos que utilizou dessa técnica era o vocalista do Linkin Park, Chester Bennington, que tinha a aliança do seu primeiro casamento tatuada no dedo.

A vantagem da aliança de tatuagem para aliança com piercing no dedo é que o piercing sai muito mais fácil que uma tatuagem. Mas apesar de ser uma modificação diferente e legal, alguns cuidados especiais devem ser tomados nesse furo.

Por exemplo, esse piercing tem um tempo de cicatrização muito maior que as perfurações mais comuns. Então é importante furar já ciente que você passará muito mais tempo cuidado dessa perfuração do que outras.

Tipos de piercing no dedo

Mas se você está realmente a fim de fazer piercing no dedo vamos a explicação dos tipos diferentes de piercing nesta região. Basicamente, existem dois tipos de perfuração: microdermal e surface.

Piercing no dedo microdermal: o microdermal só tem um furo, ou seja, ele só tem entrada, diferente do surface. Mas diferente de outros furos, o piercing no dedo microdermal só pode ser retirado por um profissional, isso porque a âncora – a outra parte do piercing – fica por dentro da pele. Veja:

Surface: já o surface, o tipo de furo mais comum para esses casos, é um furo superficial na pele. A joia é colocada abaixo da primeira falange do dedo, num ângulo de 90° graus e com uma ponta de cada lado. Veja:

Tempo de vida do piercing do dedo

Outra curiosidade envolvendo o piercing no dedo, além do seu tempo maior de cicatrização, é que o piercing tem um tempo de vida. Todos os piercing correm o risco de serem rejeitados pelo nosso organismo, mas essa probabilidade é muito maior quando se trata do piercing no dedo.

Acontece que, depois de alguns meses o nosso corpo expele o piercing do dedo, isso acontece porque essa joia fica numa região muito usada e diariamente exposta. Essa expulsão acontece devido a regeneração constante dos tecidos da mãos, acarretando a expulsão do piercing no dedo depois de um período do furo.

Bem interesse, não é? Então já vai ciente no body piercer que se você quiser continuar com o piercing no dedo o processo precisará ser feito daqui alguns meses.

Cicatrização do piercing no dedo

Como dito, ao contrário dos outros piercing,o piercing no dedo tem um tempo de cicatrização muito maior. Enquanto outros levam de 2 a 4 meses para cicatrizar, o piercing no dedo leva até um ano para cicatrizar, isso se o organismo não expulsar a joia antes.

Isso acontece porque o dedo não é um lugar propício para colocação de piercing.

Resumindo, seu trabalho será muito maior.

Cuidados com piercing no dedo

Com certeza o piercing no dedo é uma espécie de furo que os cuidados devem ser em dobro, ainda mais se pensarmos que estamos sempre mexendo em algo com as mãos.

  • Por este motivo a higienização das mãos é ainda mais importante para quem tem piercing no dedo. Essa higienização deve ocorrer pelo menos 3 dias por dia, inclusive na região onde está o piercing. A limpeza do local é importante para evitar bactérias no furo e possíveis infecções no futuro.
  • Parece quase impossível fazer isso, mas durante os primeiros momentos de cicatrização é essencial que você evite o contato com produtos químicos, isso vale tanto para quando for lavar a louça ou até mesmo os cabelos.
  • Nossas mãos estão sempre em movimento e isso é motivo de preocupação para quem optou pelo piercing no dedo. O ideal é você evitar movimentos brutos e choques com outras coisas ou superfícies, esses movimentos e choques podem causar lesões na perfuração.
  • É importante também não cobrir a dedo, cobrir o piercing pode fazer com que a pele fique um aspecto estranho, além de escurecer. Por isso nada de cobrir a região do furo.
  • Outra dica muito importante para quem pretende fazer esse piercing é escolher a mão que você menos usa. Por exemplo, faz todas as suas atividades com a mão esquerda? Então prefira aplicar o piercing na mão direita e vice e versa.
  • Outra coisa que você deve evitar durante o período de cicatrização é usar anéis ao lado do piercing, pode ocorrer um atrito entre os dois e causar lesão no furo.
  • E como falar de cuidados sem falar do local e do profissional que você escolheu para fazer o furo. Visite o estúdio antes do furo, veja se o local é limpo, se é utilizado matéria descartáveis, se o profissional está equipado devidamente durante seu trabalho – luvas e máscaras descartáveis -, tudo isso conta.
  • É importante também conhecer um pouco do trabalho do profissional, isso fará com que você se sinta mais segura em relação a sua escolha de local e de body piercing.
  • Aproveite essa visita para tirar todas as dúvidas com o body piercing sobre o furo, a cicatrização, os cuidados pós perfuração, etc, este também é trabalho do body piercing.

Afinal, vale tudo para você ficar mais segura no dia do furo. Inclusive sobre o nível de dor em relação a essa perfuração. Deixando claro que o nível de dor vai variar de pessoa para pessoa, depende do seu nível de aceitação de dor.

Mas mesmo que você sinta uma dor muito incômoda na hora do furo, não deixe de fazer só por causa disso. Está mais tranquila para fazer seu piercing no dedo? Abaixo, algumas fotos para você se inspirar.

 

Último Vídeo do Nosso Canal


LISTA VIP!
Nossas Dicas no seu Email
Seja a primeira a saber das nossas últimas dicas. Coloque seu email abaixo e receba nossos posts:
Cadastrar!
Apenas 1 email por semana. Conteúdo Exclusivo!
close-link
/* ]]> */