Nutrição

Pimenta cereja: propriedades, benefícios e ideias de consumo

A pimenta cereja, no Brasil também popularmente conhecida como pimenta pitanga, é uma espécie de pimenta bastante semelhante ao pimentão.

Além de ser super fácil de cultivar, ela é capaz de trazer diversos benefícios para a sua saúde. Há muitas variedades da pimenta cereja, mas apesar de algumas delas serem fortes, ela é considerada uma das mais suaves dentro da Escala de Scoville.

Se você não conhece muito sobre pimentas, não se preocupe, explicaremos o que isso significa. A Escala de Scoville é uma forma de mensurar a ardência de todos os tipos de pimenta conhecidas. Portanto, mesmo que você não seja muito fã de pimentas, não precisa se preocupar ao provar essa delícia.

E, sim, ela é realmente gostosa. Esse tipo de pimenta é levemente mais doce que as demais, além de ter um aroma  mais pungente e gostoso que o de pimentão. Mesmo que você tenha a impressão de nunca ter provado ou visto uma dessas, talvez não esteja exatamente certo.

Normalmente, a pimenta cereja é utilizada para rechear azeitonas. Se você gosta de petiscos e já provou aquelas azeitonas recheadas com algo avermelhado, possívelmente já comeu este tipo de pimenta.

Cultivo

Mesmo que não seja muito chegada à jardinagem, você provavelmente não teria dificuldades em cultivar a pimenta cereja. Ela é uma planta de fácil manutenção, de grande produção e que não exige muitos cuidados.

Basta separar uma área onde bata sol durante parte do dia ou até durante o dia todo. Ela gosta bastante de luz e se desenvolve melhor desta forma. Vale notar, porém, que em épocas de muito calor, como o ápice do verão, ela deixa de produzir pimentas e só volta a dar frutos quando o calor amainar.



Envase em um local razoavelmente fundo, para dar espaço para o crescimento das raízes. A pimenta cereja cresce no que, na realidade, pode ser considerado uma espécie de arbusto, que não cresce muito. Porém, ele costuma ficar bastante carregado e apesar do nome, as pimentas desta espécie costumam ser bem maiores que as cerejas.

Se a adubação for semanal e contar com irrigação regular, você certamente terá um arbusto de pimenta cereja cheio de frutos lindos e saborosos em menos de dois meses.

Tome cuidado, porém, para não deixar que ela sofra com a falta ou o excesso de água. Assim como não é recomendável que ela fique completamente desprotegida em dias mais frios, já que isso poderia prejudicar o desenvolvimento da planta.

Versatilidade de consumo

Uma das maiores vantagens que a pimenta cereja oferece é a grande versatilidade de consumo. Seja ela a estrela do cardápio, ou apenas um acompanhamento que pode ficar sem sequer ser identificado, a não ser pelo sabor e aroma.

Em algumas regiões dos Estados Unidos e do México, por exemplo, esta espécie de pimenta é misturada ao queijo ou até em algumas passas de pães. Seu sabor é o ingrediente principal destas receitas.

Além de servir de recheio para azeitonas, elas também são aperitivos muito populares, frequentemente servidas em conserva ou, frescas, em saladas. Antepastos que contem com a pimenta cereja são também bastante populares e igualmente apreciados.

Benefícios

As pimentas são conhecidas por oferecer muitos benefícios à saúde. Entre os principais podemos citar:

  • Por ser rica em vitamina E, a pimenta ajuda a prevenir a degeneração da memória. O que pode ser especialmente interessante para idosos.
  • O consumo de pimentas ajuda a melhorar a saúde ocular.
  • Diminuição dos riscos de desenvolver diversos tipos de câncer: estudos científicos já ligaram o consumo de frutas e vegetais frescos com a diminuição dos riscos de câncer.
  • A pimenta é uma fonte eficaz de vitamina B2 e seu consumo regular ajuda a prevenir a anemia.
  • Ajuda na produção de células e deixa a sua pele mais saudável.

Prepare sua própria pimenta cereja em conserva

A pimenta cereja em conserva é uma das receitas mais populares e mais gostosas. Ela pode ser servida em qualquer ocasião e, inclusive, é uma opção diferenciada e deliciosa de petisco para os seus convidados. Para fazer sua própria pimenta em conserva você precisará de:

  • 500 ml de vinagre branco;
  • Uma dúzia de pimentas cereja;
  • Sal a gosto;
  • Três dentes de alho a gosto;
  • Pimenta do reino.

Modo de preparo:

  1. Lave bem as pimentas e, com uma faca de ponta fina, faça alguns furos na parte de cima delas. Eles podem ser razoavelmente profundos, para permitir a entrada de líquido.
  2. Corte alho em pedaços de tamanho médio.
  3. Coloque todos os ingredientes em uma panela e espere ferver.
  4. Deixe o conteúdo em fogo médio por cerca de 10 minutos, ou até que as pimentas estejam um pouco mais suaves do que a sua consistência normal.
  5. Aguarde que o conteúdo esfrie antes de transferir para um recipiente fechado.
  6. Leve à geladeira.

Você pode consumir assim que esfriar e ela estará ainda propícia para consumo por até uma semana. Estas pimentas podem ser servidas inteiras, como aperitivo, ou em pedaços, como acompanhamento para outros pratos.

Geleia de pimenta cereja

Se você nunca ouviu falar de geleia de pimenta, não sabe o que está perdendo! Apesar de parecer uma ideia exótica, este tipo de geleia gourmet é uma ótima opção para acompanhar queijos e carnes. Por isso mesmo, separamos uma receita deliciosa para você preparar.

Você vai precisar de:

  • 12 pimentas cereja;
  • 1 xícara de vinagre de maçã;
  • 2 dentes de alho grandes;
  • 1 xícara de água;
  • 3 xícaras de açúcar;
  • Suco de uma maçã.

Modo de preparo:

  1. Lava bem as pimentas e remova a maior parte das sementes.
  2. Pique em pedaços pequenos. Pique também os dentes de alho.
  3. Em uma panela em fogo baixo, misture as pimentas, o vinagre, o suco de maçã, o alho e o açúcar.
  4. Quando os ingredientes estiverem bem misturados, acrescente vagarosamente a água. De preferência, sem deixar de mexer.
  5. Com a água já incorporada à mistura, passe a mexer apenas em alguns intervalos. Isso também é importante para conseguir verificar o ponto de geleia. Assim que ele for atingido, tire do fogo.
  6. Conserve em um recipiente fechado por até uma semana.

Já deu para notar que não há nenhuma razão para não acrescentar a pimenta cereja no seu cardápio, não é? Tente sempre inovar no cardápio e consumir cada vez mais alimentos saudáveis como esta pimenta.

Videos do nosso Canal no Youtube

Sobre o autor

Redação Tudo Ela

Site focado em publicar conteúdo atual e interessante sobre o universo feminino. Fazemos curadoria e pesquisamos dicas úteis para o dia-a-dia da mulher moderna. Saiba mais sobre nós.

/* ]]> */