Recomendados para você
Receitas

3 receitas de pudim de peixe que você precisa conhecer!

Pudim, por gerações, vem sendo um dos pratos preferidos dos brasileiros e que também faz sucesso mundo afora. O pudim mais conhecido é o de leite condensado, geralmente consumido como complemento das refeições mais robustas, almoço e janta, apreciado como sobremesa. As variações dessa receita, como o pudim de pão, tradicionalmente são prestigiadas no café da manhã e da tarde, junto com aquela dose agradável de café preto ou com leite. Um que não é tão tradicional, mas tão saboroso quanto, e que vamos listar uma série de receitas, é o pudim de peixe.

Se você for do time “das salgadas” e, claro, adorar peixe, sem dúvida vai amar essa iguaria.

Mas antes de cairmos de cabeça nas receitas de pudim de peixe, vale se inteirar sobre algumas curiosidades relacionadas ao prato.

Sobre o mais queridão

O primo mais celebrado do pudim de peixe, o de leite condensado, já é velho de guerra. Foi concebido no século XVI por algum monge criativo e talvez entediado em um convento português.

E como naquela época o mundo ainda não estava preparado para conhecer as maravilhas do pedaço de paraíso chamado leite condensado, a versão original do pudim foi com o leite puro de alguma mimosa mesmo. Junto ao leite, era acrescido:

E como não havia leite condensado, é evidente que não poderia ser nomeado da forma como o conhecemos hoje e o nome de batizo foi “pudim de marfim”, em razão de sua cor alva.

E como veio parar aqui?

Ora, se foram os portugas que inventaram e fomos colonizados por eles, certamente eles trouxeram essa delícia pra cá durante o período colonial (e se já não havia antes, com certeza a novidade chegou aqui com a família real portuguesa em 1808).

Sobre o vice-campeão

Outro compadre do pudim de peixe e que não chega a ser tão festejado quanto o de leite condensado, mas nem por isso tem ibope baixo, é o pudim de pão.

Algumas curiosidades sobre o quitute: falando de família real portuguesa, o pudim de pão chegou na terra que “em se plantando tudo dá” quando D. João VI jogou um lero em Napoleão e vazou com a corte inteira de Portugal até a sua colônia mais vasta e distante do baixinho francês invocado.

Assim como o pudim de peixe, é uma derivação da estrela maior, o “de marfim”, que alcançou tamanho sucesso que incentivou uma galera tentar outros tipos de versões da receita.

O momento mais célebre do pudim de pão ocorreu nas mesas francesas e inglesas do século XIX.

Sobre a estrela deste post

O pudim de peixe pode não ser o mais antigo, o mais festejado, mas sabe o que ele tem que os outros não têm?

Peixe.

Ou seja, em termos nutricionais, é mais rico, tem mais conteúdo.

Veja os benefícios do peixe a nossa saúde:

  1. Rico em proteínas: nutrientes importantíssimos para a formação da massa muscular, da pele, das células, do cabelo e do sistema imunológico;
  2. Rico em ômega 3: nutriente que reduz o colesterol ruim e aumenta o bom. Portanto, colabora para diminuir o risco de doenças cardiovasculares;
  3. Bom pra memória: o citado ômega 3, junto de outros nutrientes como fósforo e cálcio, evita perda de massa cinzenta, circunstância que proporciona o desenvolvimento de doenças degenerativas como Mal de Alzheimer.

Hora do bloco de notas

Agora abra o bloco de notas, ligue a impressora ou pegue o caderninho para copiar essa série de receitas de pudim de peixe:

Receita pudim de peixe número 1

Ingredientes:

  • 4 claras batidas em neve
  • Cheiro-verde a gosto
  • Coentro a gosto
  • Cebola a gosto
  • 2 colheres de farinha de trigo
  • 2 colheres de manteiga
  • 1 copo de leite
  • 4 gemas
  • Molho de tomate
  • 1 pão francês
  • 1/2kg de peixe frito e desfiado
  • Queijo parmesão ralado
  • Pimentão
  • Tomate

Modo de preparo:

  1. Coloque no liquidificador: o pão, as gemas, a farinha de trigo e o leite;
  2. Quando fizer a mistura, bote no fogo para que possa engrossar;
  3. Derreta a manteiga;
  4. Pique o cheiro verde;
  5. Desfie o peixe;
  6. Junte-os e faça um refogado;
  7. Quando as gemas estiverem prontas, junte com o peixe refogado em uma forma de buraco;
  8. Deixe no forno por 30 minutos;
  9. Depois insira molho de tomate e queijo ralado;
  10. Sirva com arroz branco.

Receita pudim de peixe número 2

Ingredientes:

  • Cebolinha verde a gosto
  • Cebola picada
  • 1/2 Kg de filé de peixe
  • Molho de tomate
  • 1/2 kg de pão duro
  • Sal a gosto
  • Salsinha picada a gosto
  • Pimenta a gosto

Modo de preparo:

  1. Unte uma forma redonda com margarina;
  2. Polvilhe com farinha de pão;
  3. Amoleça as fatias de pão com o leite;
  4. Pique o peixe e misture-o com os demais ingredientes;
  5. Coloque-o para assar;
  6. Sirva com molho de tomate.

Receita pudim de peixe número 3

Ingredientes:

  • 1 cebola média
  • 1 limão
  • 1 ramo de salsa
  • 150 gramas de miolo de pão duro
  • 2 colher sopa margarina
  • 4ml de leite
  • 4 ovos
  • 500 gramas de filetes de peixe
  • Noz moscada
  • Pão ralado
  • Sal e pimenta

Modo de preparo:

  1. Pegue o miolo do pão esfarelado e jogue-o junto ao leite fervente;
  2. Cozinhe os filetes de peixe acrescentando sal, salsa e 1 casca de limão;
  3. Esmague os filetes com um garfo ou pique-os em um equipamento adequado;
  4. Doure a cebola picada na margarina;
  5. Misture-a com o peixe e deixe a junção refogando;
  6. Tire do fogo e adicione o pão umedecido e as claras. Tempere com sal, noz-moscada, pimenta e raspa de limão;
  7. Coloque a mistura em uma forma untada com margarina e pão ralado;
  8. Ponha no forno por 40 minutos.

Considerações finais

Neste post apresentamos 3 maneiras para preparar um pudim de peixe, além de algumas curiosidades envolvendo os primos ilustres da iguaria, o pudim de leite condensado e o pudim de pão.

Também expomos algumas informações sobre os benefícios do consumo de peixe a nossa saúde.

Gostou do conteúdo? Então, curta, compartilhe, opine. Aproveite o espaço. Confira mais de nossa sessão de nutrição.

Sua opinião é muito importante para nós. O seu apoio faz a diferença!

Último Vídeo do Nosso Canal


/* ]]> */