Maternidade Saúde

Quem tem mioma pode engravidar? Confira a resposta do especialista

quem-tem-mioma-pode-engravidar

É muito importante que as mulheres que têm mioma se informem sobre os efeitos do problema na gravidez. Principalmente quando os filhos estão nos planos de vida dessa mulher. Quem tem mioma  e quer ter filhos deve fazer um acompanhamento médico com um especialista antes de engravidar.




>>PROMOÇÕES BLACK FRIDAY AMAZON - ATÉ 70% EM TODO O SITE

Se você quer saber mais sobre a relação entre mioma e a fertilidade, confira este artigo e veja as respostas do especialista sobre o assunto.

O que é mioma e os tipos existentes

Segundo a Febrasgo (Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia), cerca de 80% das mulheres em idade fértil sofrem deste mal. Miomas, também chamados de fibromas, são tumores benignos que se desenvolvem na musculatura do útero. Existem tipos diferentes de mioma conforme sua localização:




>>PROMOÇÕES BLACK FRIDAY AMAZON - ATÉ 70% em Moda Feminina
  • miomas submucosos: surgem do lado de dentro da cavidade uterina;
  • miomas intramurais: desenvolvem-se dentro da parede do útero;
  • miomas subserosos: instalam-se na face externa.
  • miomas pediculados: ficam pendurados ao útero pelo lado de fora.

Entre as possíveis causas do mioma está principalmente as características genética da mulher. Por isso, filhas de mulheres com mioma possuem tendência maior ao desenvolvimento da doença.

Entre os sintomas mais comuns causados pelos miomas estão:

  • fluxo menstrual mais intenso do que o normal;
  • cólicas intensas;
  • inchaço abdominal;
  • aumento na frequência urinária;
  • anemia em decorrência do fluxo abundante;
  • infertilidade.

No entanto, mesmo com alguns sintomas conhecidos, a maior parte das mulheres não identifica o mioma rapidamente. Assim, essa doença é considerada silenciosa e muito comum.




>>PROMOÇÕES BLACK FRIDAY AMAZON - ATÉ 70% em Moda Feminina

Para saber mais detalhes sobre o mioma e os tipos de tratamento, veja:

Afinal, quem tem mioma pode engravidar?

Segundo o Dr. Michel Zelaquett, diretor técnico do Centro de Mioma, mulheres que apresentam miomas submucosos e intramurais podem ter infertilidade.

Essa diminuição da fertilidade pode acontecer por causa das distorções na cavidade do útero pela presença dos nódulos de miomas. Caso a protuberância do mioma intramural se localize próximo da área da implantação do embrião, pode acontecer um descolamento de placenta durante a gestação.

Já nos casos de miomas submucosos, há o risco do fibroma causar abortos repetitivos ou partos prematuros. Outra possível complicação deste quadro é a presença do nódulo de maneira que ele impede a chegada dos espermatozoides nas trompas, ocasionando infertilidade.

Mas, com o tratamento correto e o acompanhamento de um especialista é possível sim que quem tem mioma possa engravidar. A seguir, saiba mais sobre os tratamentos para quem tem mioma e quer engravidar.




>>PROMOÇÕES BLACK FRIDAY AMAZON - ATÉ 70% em Moda Feminina

Como é o tratamento de mioma que preserva a fertilidade?

O tipo de intervenção médica em casos de mioma depende da gravidade do problema. Em casos mais graves nem sempre é possível preservar o útero, mas as soluções menos agressivas têm ganhado mais espaço nas clínicas especializadas.

Dentre as intervenções médicas para tratar o mioma usadas pelo Centro de Mioma há tipos diferentes de miomectomia. Basicamente, esses procedimentos trabalham na remoção dos miomas preservando o útero e resgatando a fertilidade com variações de método. Confira:

  • miomectomia histeroscópica: é indicado para miomas que se localizam no interior do útero, os miomas submucosos. É feita por meio de uma videohisteroscopia cirúrgica;
  • miomectomia laparoscópica: é um método pouco invasivo, através de pequenas incisões de até um centímetro no abdome, mais utilizado em miomas não muito grandes e pouco numerosos;
  • miomectomia robótica: consiste na laparoscopia com o auxílio de um robô, que permitem uma maior precisão na manipulação e retirada dos miomas, favorecendo o tratamento de casos mais complexos por via minimamente invasiva;
  • miomectomia por laparotomia: é o tipo de intervenção cirúrgica mais tradicional, com um corte tipo de uma cesariana, para casos bem mais complexos que possuem miomas muito grandes e/ou muito numerosos.

Para ver mais detalhes sobre os tipos de tratamento não invasivos que preservam a fertilidade das mulheres com mioma, veja o artigo do Centro de Mioma.

Último Vídeo do Nosso Canal


/* ]]> */