Maternidade Saúde Terapias

Reflexologia dos pés para bebês e crianças: saiba como fazer em casa

Esta técnica resgata conhecimentos milenares sobre pontos sensíveis no corpo. A reflexologia dos pés ou reflexologia podal é um ramo desta ciência. Existem muitos benefícios no uso da reflexologia dos pés para bebês e crianças que podem ajudar a aliviar queixas comuns do dia-a-dia.

Neste artigo, conheça mais sobre esta terapia e confira como usar essa técnica tradicional no tratamento de bebês e crianças.

Reflexologia: o que é e como surgiu?

A reflexologia é uma técnica milenar que possui origem na  antiga medicina chinesa. Presente também na Índia e em tribos indígenas, está embasada no conhecimento de pontos sensíveis do corpo. Ao serem estimulados, estes pontos sensitivos proporcionam reflexos no funcionamento de órgãos internos.

No início do século XX, o médico americano Dr. William Fitzgerald pesquisou e recolheu informações sobre a possibilidade de tratar os males por meio de pontos específicos do corpo. Descobriu que esse tratamento possuía raízes em comum com a acupuntura, mas que foi esquecido. Junto com o Dr. Edwin Bowers escreveu um livro chamado “Terapia Zonal”.

A partir deste trabalho, vários outros profissionais estudaram e ajudaram a desenvolver e modernizar essa forma de cura.

Segundo a reflexologia, a relação entre os pés e o restante do corpo é muito especial. Usamos os pés para nos locomover durante todo o dia. Há, então, uma conexão silenciosa entre os pés e os órgãos internos de nosso corpo. Ao massagear uma área do pé é possível restabelecer o equilíbrio do órgão ou parte do corpo correspondente.

Por meio da pressão exercida nos pés pelo polegar é permitido detectar pontos doloridos. Estes pontos podem oferecer pistas de quais áreas do corpo estão com algum problema. Ao massagear esta área, estimula-se um mecanismo de auto-cura.

Segundo o Guia de Remédios Naturais para Crianças, a reflexologia podal pode ser usada em crianças para aliviar incontinência urinária, prisão de ventre, dores, agitação, bronquites, diarreias, cólicas, asma, ansiedade e falta de concentração.

Os bebês também podem se beneficiar da reflexologia dos pés. A prática rotineira da técnica a torna mais eficaz com o tempo. Serve tanto para tratar problemas quanto para preveni-los.

Confira como realizar a massagem terapêutica em casa:

Mapa de reflexologia podal para bebês e crianças:

Este é um mapa podal simplificado com as principais áreas sensíveis correspondentes a cada parte do corpo do bebê:

Para crianças maiores, é possível usar um mapa mais completo e aperfeiçoar as massagens para prevenção e tratamento de pontos mais específicos do corpo:

 

 

 

 

 

 

 

 

Como fazer reflexologia em bebês e crianças:

Antes de iniciar a massagem propriamente dita é preciso preparar o ambiente. Adapte um espaço diminuindo os ruídos externos usando uma música relaxante. Deixe a luz bem suave.

Para a massagem, você pode usar um óleo vegetal com algumas gotinhas de óleo essencial de sua preferência. A fragrância deve ter efeitos complementares ao objetivo do tratamento dos pés.

Em bebês, o tratamento pode ser realizado após o banho. No caso de crianças maiores, lave bem os pés e os seque antes de começar. Certifique-se de que o pequeno esteja numa posição agradável com as pernas em repouso.

Ao massagear, faça movimentos de pressão, rotação, fricção e golpes suaves, usando a ponta dos polegares. Aplique uma pressão por 30 a 60 em crianças e de 20 a 30 segundos em bebês nas zonas escolhidas para o tratamento. Faça movimentos suaves dobrando e esticando as articulações do seu polegar. Certifique-se de que suas unhas não estejam machucando a criança.

Os pontos sensíveis deve ser trabalhados nos dois pés. Comece pelo direito e termine-o para depois passar ao outro. Inicie pelo dedão do pé até chegar ao mindinho, depois passe para o peito do pé e desça até o calcanhar.

Com o tempo você perceberá quais são as áreas mais tensionadas e poderá trabalha-las mais intensamente. Use aromaterapia para potencializar a ação desse tratamento.

Atenção:

  • Evite aplicar reflexologia em caso de: zonas lesionadas, inchadas, com cicatrizes, joanetes, eczemas, verrugas ou micose;
  • Não aplicar este tratamento logo após as refeições;
  • Evite massagear áreas com caso haja dor aguda;
  • No caso de qualquer dúvida, consulte um especialista;
  • A reflexologia é um tratamento auxiliar, por isso, sempre consulte um médico em caso de problemas de saúde.

Quer saber mais sobre tratamentos caseiros? Veja:

LISTA VIP!
Nossas Dicas no seu Email
Seja a primeira a saber das nossas últimas dicas. Coloque seu email abaixo e receba nossos posts:
Cadastrar!
close-link
/* ]]> */