Receitas

Soda artesanal: receita simples e fácil para fazer em casa!

Soda artesanal

Muito se engana quem pensa que soda é somente o famoso refrigerante de limão. Nada disso, o termo soda existe bem antes da entrada do referido refri, na verdade, a soda artesanal era vendida em farmácias lá no começo do século XIX, para ser mais preciso em 1807, quando o cirurgião Philip Syng Physick, o responsável por introduzir a água aromatizada no mercado, ensinou o seu farmacêutico de confiança como fazer a água com gás, mas uma versão menos potente que fosse ao gosto dos consumidores.

Deixou como sugestão que misturasse com xaropes de frutas para suavizar a fórmula e acrescentar sabor. O resultado foi a primeira soda artesanal do mundo, o primeiro refrigerante.

O que é soda?

Com esse pequeno momento de “senta que lá vem história” já foi revelado o que se considera como soda: água gaseificada misturada com xarope, que também pode conter frutas ou ervas. Neste artigo vamos falar um pouco mais da história, dos diversos sabores e apresentar ao menos uma receita de soda artesanal para você fazer na sua casa.

Bora descobrir como fazer a sua própria soda artesanal?

Confira!

É remédio?

O fato de ter sido comercializada inicialmente em farmácias não significa que seja um remédio ou que faça mal a saúde, na verdade qualquer refrigerante pode fazer mal a saúde se consumido em excesso, mas não se trata de algo que necessite de prescrição médica para se ingerido.

Isso se deu, o fato de ter sido comercializada em farmácias, porque naquela época produzir tal produto era possível somente por industriais, que ainda assim necessitariam dos conhecimentos de alguém capacitado minimamente em química ou física, ou por profissionais que precisavam desses conhecimentos para exercer o ofício de sustento e que tivessem estrutura mínima, que era o caso dos farmacêuticos.

Mas lógico que com o estrondoso sucesso da soda artesanal apareceram os bigs fortunas interessados em ganhar outras fortunas para investir na produção em larga escala do produto e criar marcas próprias, conquistando o mercado e engolindo a concorrência de pequenos comerciantes e profissionais liberais como os farmacêuticos. Logo o produto saiu das farmácias para caírem diretamente nos barzinhos ou supermercados, quando estes foram criados.

Soda artesanal

Com tamanha abundância de refrigerantes, e pela popularidade ter se reduzido em razão de questões de saúde e obesidade, pelo pequeno trabalho de se fazer uma soda artesanal e até pela falta de cultura em nosso país de produção caseira desse tipo de produto, não se trata de uma atividade muito comum, não irá encontrar com facilidade algum vizinho que faça sua própria soda artesanal. Mas não é algo proibido, nem tão trabalhoso assim, certamente já fez alguma comida no forno mais complicada e demorada. É mais fácil do que preparar um javali para o almoço, garantimos.

E nem precisa de maquinário mirabolante, hiper sofisticado e que custa o olho da cara, muito menos quebrar a cabeça a caça dos ingredientes necessários para fazer uma soda artesanal.

É super de boa, e o melhor: dá pra fazer de vários sabores. Qualquer fruta que renda um bom suco entra na lista de possibilidades e ainda é possível incrementar com a adição de doces.

A seguir vamos apresentar os sabores mais populares de soda artesanal e expor o passo a passo para fazer a sua em casa.

Confira!

Soda Italiana

É a mais simples de fazer. Reúne os ingredientes clássicos: água gaseificada, xarope de frutas e bastante gelo, no entanto é possível acrescentar ou misturar outros elementos como gengibre, pimentas, manjericão, alecrim e outras plantas alimentícias.

Os sabores mais comuns e populares desse tipo de soda artesanal são:

  • Tangerina;
  • Maçã;
  • Canela;
  • Limão.

As sodas italianas, aliás, as artesanais em geral, têm ainda a oferecer como vantagem aos consumidores, e um diferencial em relação a concorrência fabricada em escala nababesca, o fato de poder ser mais saudável e menos calórica, já que cabe a você adicionar a quantidade de ingredientes que fica mais ao seu gosto e o de recorrer ou não a componentes químicos para deixar a substância mais viciante.

Soda artesanal com fruta natural

E nem só de xarope se vive com soda artesanal. Há a opção de você incluir a fruta natural, fresquinha, na mistura. E quanto mais fresquinha maiores as chances de não precisar colocar açúcar na fórmula, o que é espetacular para quem está batalhando contra a balança.

O preparo não tem segredo: é a mistura da água gaseificada, gelo, xarope e a fruta.

Cream soda

É um tipo de soda artesanal que faz mais sucesso entre as crianças, e adultos também, ainda que fiquem um pouco melindrados com a aparência um tanto infantilizada da soda.

Também pudera: trata-se de água gaseificada com um creme que é constituído por metade leite e metade creme de leite. Acrescenta-se ainda nessa mistura chantilly, calda e cereja.

Portanto é razoável definir como a fusão de refrigerante com sorvete. Um sundae. Não é uma bebida para tomar junto com a fejuca, é uma sobremesa, uma deliciosa sobremesa.

Passo a passo da soda artesanal

Vamos começar pelo xarope da soda artesanal.

O que você irá precisar:

  • Um (1) litro de água filtrada;
  • Um (1) quilo de açúcar refinado.

Soda artesanal

Modo de preparo

  • Em uma panela, deixe a mistura dos ingredientes no fogo médio;
  • Mas não fique de braços cruzados não, mexa-os com uma colher até que a mistureba fique homogênea, cristalina.
  • Chegando nessa fase, coloque o xarope na geladeira.

Esse é o modelo mais básico do xarope que, misturado com a soda, fica excelente, mas você pode incluir outros sabores.

Se você quiser colocar uma fruta de seu agrado, a orientação é a seguinte:

Digamos que queira uma soda artesanal de laranja. Para acertar nas medidas deverá diminuir a quantidade de água e completar um litro com o suco natural da fruta, no caso, laranja.

Recomenda-se diminuir, de começo, depois poderá fazer testes para chegar ao que considera ideal, a quantidade de água para seiscentos (600) ml e misturar com quatrocentos (quatrocentos) ml do suco natural (600 + 400 = 1L).

Preparo da soda

A soda é ridiculamente fácil.

Irá precisar de:

  • Cinquenta (50) milímetros do xarope;
  • Duzentos (200) ml de água gaseificada;
  • Gelo.

Modo de preparo

  • Copo;
  • Gelo;
  • Xarope;
  • Água;
  • Coloque um canudo;
  • Seja feliz.

Considerações finais

Soda artesanal pode ser feito por qualquer pessoa, não há restrição legal para isso e existem diversos sabores e estilos. Alguns deles:

  • Soda italiana;
  • Soda com fruta natural;
  • Cream soda.

Fazer a própria soda artesanal é muito simples, não exige conhecimentos específicos e nem maquinário sofisticado. Precisará de:

(xarope)

  • Um (1) litro de água filtrada;
  • Um (1) quilo de açúcar refinado.

(soda)

  • Cinquenta (50) milímetros do xarope;
  • Duzentos (200) ml de água gaseificada;
  • Gelo.

Gostou do conteúdo?

Então curta, compartilhe, opine.

Sua opinião é muito importante para nós.

Leia mais de nossa sessão de receitas.

Se você não fizer isso seu cabelo vai quebrar...


/* ]]> */