Cabelos

Trança cascata: aprenda como fazer e veja fotos inéditas

As tranças são penteados que toda mulher deve ter em seu repertório. Elas são elegantes, versáteis, estão em alta e, o melhor, muito fáceis de serem feitas. São várias formas diferentes de se produzir, servem para qualquer cabelo e formato de rosto e ainda servem bem em muitas ocasiões, desde as mais casuais até as mais formais, que exigem um toque de requinte. Quem se destaca nessa modalidade é a trança cascata.

Ela é uma variação da trança embutida e recebe esse apelido pelo efeito que causa. Feita na diagonal, ela cria um efeito no centro da parte traseira da cabeça como se fosse água de uma cascata. Seja você uma expert ou não em produzir tranças no seu cabelo, saiba que para fazer essa não é preciso de muita habilidade. Para te ajudar nessa missão, vamos contar um pouco mais sobre o penteado e ensinar o passo a passo de algumas variantes delas para você adotar esse estilo agora mesmo.

O que diferencia a trança cascata das demais?

Uma das principais características da trança cascata é deixar os fios mais soltos do que nos outros tipos desta mesma categoria de penteados. Ele dá um ar mais “menininha” na mulher, deixando-a com um visual romântico. Sendo assim, serve para o dia e para a noite, seja no trabalho ou até mesmo em um casamento – inclusive, muitas noivas tem adotado o estilo, acrescentando ao cabelo algum acessório.

Dica antes de começar a trança cascata

Antes de partir para o penteado, você pode apostar em uma ideia para deixar o visual ainda mais bonito. Uma ideia para aprimorar o efeito de queda d’água é deixar seus fios um pouco ondulados. Para isso, basta estilizá-los com babyliss.

Isso gera um efeito incrível e dá a sensação de que você acabou de deixar o salão de beleza quando, na verdade, gastou somente alguns minutos em frente ao espelho de casa para produzir um visual muito bonito e cheio de estilo e personalidade.

Tipos e tutorial de como produzir uma trança cascata

Se você quer apostar na trança cascata, mas viu fotos e pessoas e imaginou que não conseguiria produzir esse tipo de penteado, você precisa conferir os tutoriais a seguir. Não se esqueça de que antes de qualquer coisa é preciso estar com os fios limpos e secos, né? Agora, aprenda como é fácil!



Trança cascata comum

1º passo: comece fazendo uma trança tradicional. Para isso, separe o cabelo da lateral (a que você preferir) em três mechas e transpasse.

2º passo: depois de feito o primeiro trançado, separe a mecha do meio. Pegue mais uma mecha da lateral e faça outro trançado, novamente, separando a do meio ao final.

3º passo: repita esse procedimento caminhando até a lateral oposta da cabeça, parando quando terminar o comprimento do cabelo ou atingir tamanho desejado. Não se esqueça de que o trançado precisa ser produzido de uma maneira a segurar a mecha do meio que ficou solta.

4º passo: quando chegar à medida desejada, faça uma trança tradicional e prenda com grampo, presilha ou elástico.

Trança cascata amarrada

1º passo: crie uma trança tradicional, separando três mechas da parte lateral do cabelo e transpassando uma sobre a outra.

2º passo: depois do primeiro trançado, separe a mecha do meio. Ao invés de repetir o que foi feito no penteado anterior, use-a para dar um nó meio frouxo, de maneira que a mecha do meio também fique segura depois do trançado.

3º passo: repita esse procedimento até conseguir o comprimento que deseja ou usar o total dos fios.

4º passo: com uma presilha, prenda a trança na parte do topo da cabeça.

Trança cascata com trança simples

1º passo: produza uma trança cascata normal.

2º passo: prenda a trança na parte traseira da cabeça, deixando-a escondida.

3º passo: com o cabelo da parte de trás que está solto, faça uma trança simples, prendendo-a em seguida com elástico.

Trança cascata dupla

1º passo: faça uma trança cascata simples até a parte central de trás da cabeça.

2º passo: finalize o penteado com uma trança normal.

3º passo: repita os mesmos dois passos acima na outra lateral da cabeça.

Trança cascata com coque

1º passo: a partir da franja, faça uma trança cascata. Ela deve ficar no comprimento e no lugar onde você deseja que o coque seja feito na parte de trás da cabeça. Quando atingir esse ponto, basta prender o cabelo com um elástico.

2º passo: separe parte do cabelo que sobrou em três mechas e faça uma trança simples, deixando alguns poucos fios pequenos na ponta sobrando.

3º passo: segurando esses fios, empurre levemente a trança em direção à trança cascata, formando um coque. Em seguida, basta prendê-lo com um grampo.

4º passo: repita os passos dois e três algumas vezes até que todo aquele cabelo que sobrou não exista mais.

5º passo: aplique um fixador para que o penteado fique mais firme e seja mais duradouro.

Use sua criatividade

O jeito mais usual de fazer a trança cascata é deixando o cabelo da parte de trás da cabeça solto, permitindo que o efeito de queda d’água fique ainda mais evidente. Porém, por que não arriscar um pouco, dar uma de cabeleireira e tentar misturar o penteado com outros acessórios ou estilos?

Já demos algumas ideias acima, mas quem manda é você. Por isso, deixe a criatividade fluir e teste alguns penteados com a trança cascata para descobrir qual estilo combina mais com seu rosto, seus fios e sua personalidade. Não tenha medo de arriscar alguns acessórios que podem dar um toque de muito charme e romantismo ao seu visual.

Galeria de fotos

Dito isso, e depois de ter te ensinado como montara trança cascata e algumas das suas diferentes versões, chegou a hora de ver mais algumas fotos para aguçar a sua criatividade e te inspirar a adotar esse novo estilo em vários momentos e ocasiões especiais daqui para frente. Confira!

View this post on Instagram

Aquela trança linda 😍 #trançacascata #trança #penteados

A post shared by Nathalia Leandro (@nathalialeandromakeup) on

Videos do nosso Canal no Youtube

Sobre o autor

Redação Tudo Ela

Site focado em publicar conteúdo atual e interessante sobre o universo feminino. Fazemos curadoria e pesquisamos dicas úteis para o dia-a-dia da mulher moderna. Saiba mais sobre nós.

/* ]]> */