Cabelos

Trança zig zag: como fazer + 13 fotos lindas

Mais uma vez em alta, as tranças possuem diversos modelos, tamanhos e tipos, partindo desde os penteados tradicionais aos mais inusitados e aprimorados. As tranças fazem a cabeça das mulheres, principalmente no verão, dando uma suavidade e frescor para o penteado. Hoje conheceremos um penteado inovador e charmoso, chamado de trança zig zag.

Certamente vocês já conhecem a trança embutida, técnica que consiste em adicionar, aos poucos, mais fios ao penteado até formar-se a trança. Pois bem, a trança zig zag parte de um princípio bastante ligado a esse, e se você já fez a trança embutida, vai tirar esse novo penteado com facilidade.

Além de servir para qualquer idade serve para qualquer tipo de cabelo. Assim como vários outros modelos de tranças, a variação pode ser dos mais lisos aos crespos, não importa, a trança zig zag cai perfeitamente bem para todas.

Passo a passo para a trança zig zag

É muito importante você trabalhar em um penteado que saiba fazer e que tenha paciência para prepará-lo. Se você não tem tanta habilidade assim, peça para alguma amiga te ajudar ou simplesmente marque uma hora no salão de sua preferência, afinal, um penteado tão arrojado quanto esse merece atenção especial.

Prepare o cabelo

Antes de começar, uma dica valiosa é passar algum creme no cabelo, principalmente se você não fez escova, por exemplo. Isso ajuda na hora que você estiver separando e dividindo a trança, além de não deixar o cabelo embaraçar.

Esse é um penteado muito utilizado para eventos, festas ou datas importantes, então deixe seus cabelos lindos não apenas no penteado.



Separe as mechas

Na parte de cima da cabeça, separe um pedaço do cabelo para começar a trançar. A partir da parte lateral, separe as três mechas e comece a trançar por ali. Vá pegando as mechas de cabelo de cima para baixo, juntando como se fosse uma trança embutida.

Adicione as mechas de cima com as mechas que você está trançando. Pegue apenas as mechas de um dos lados da trança, e parta da direita para a esquerda (ou vice-versa). Exatamente como é feito no processo de trança embutida, mas em vez de pegar de um lado e do outro, você usa as mechas só de um dos lados.

Para esse penteado, não deixe a trança muito justa, opte por deixá-la mais “fofa”. Essa é uma característica que fica melhor nesse tipo de penteado, principalmente se for utilizá-lo com a parte inferior solta.

Preparando para a curva

Se você partiu de um dos lados da cabeça, vai terminar no outro, certo? Então após concluir a trança na diagonal, faça apenas uma trança convencional. Não puxe mais os cabelos e faça a trança descer pela lateral da cabeça.

O tamanho aqui dependerá do comprimento de cada cabelo. Se forem fios longos, desça mais. Se os fios forem mais curtos, faça uma trança menor. Para dar certo, você só precisa trançar na medida em que dê para fazer a curva.

Na segunda parte, basta repetir o processo

Agora pegue uma mecha de cabelo do canto, e comece a trançar novamente, como se fosse uma trança embutida. Exatamente como foi feito em cima, repita o processo na parte debaixo.

Adicione as mechas de cabelo na mecha que estiver trançando para fazer a curva. Para fazer uma trança zig zag, é importante adicionar mechas pequenas e finas, não utilizando todo o cabelo. Deixe sobrar um pouco para fazer uma trança solta. A aparência que vai ficar é um zigue zague com o restante do cabelo solto.

Próxima curva

Nesse momento você vai perceber que formou outra trança na diagonal. Ela vai terminar próxima a parte de trás da orelha, então use esses últimos fios para alongar a trança novamente. Repita o mesmo processo feito na primeira curva.

Aqui você vai se deparar com duas opções:

Finalize o penteado

Como a trança zig zag já está pronta, uma opção é puxar a trança apenas para baixo, finalizando o penteado. Nessa opção, o cabelo ficará com uma trança, mas terá muitos fios soltos na parte inferior da cabeça, deixando os longos fios soltos para dar mais volume e suavidade ao penteado.

Para cabelos médios, o indicado é finalizar por aqui. Deixe os cabelos soltos e aproveite um visual duplo com tranças e cabelo solto. E não se esqueça de usar um spray fixador de cabelo, para não ficar com aqueles fiozinhos arrepiados e para a trança não se desfazer ao longo do dia.

Opte por mais uma curva

Agora se seus cabelos são longos o suficiente para mais uma curva, não deixe de aproveitar isso e continue o processo de trança zig zag. Não existe um número certo de voltas para esse penteado, se seus fios forem longos o suficiente para aproveitar a trança ao máximo, vá em frente.

Lembre-se de prender ao final da trança com um elástico transparente, aqueles de borracha bem pequenos. Fica melhor com essa opção finalizando com algo mais sutil que não chame a atenção.

Diversificando a trança zig zag

Uma técnica bastante comum para quem curte fazer uma trança, é puxar um pouco dos fios como se estivesse tentando afrouxar um pouco a trança. Esse detalhe dá uma sensação de aparência mais volumosa. Muito parecido com o que se faz nas tranças escama de peixe.

Ou, se for da sua preferência, pode fazer uma trança mais grossa no começo, e afinando conforme vai chegando nas pontas. É um dos visuais trançados mais utilizados para o estilo trança boxeadora.

Considerações finais

Trata-se de um penteado inovador apenas no seu formato, pois a composição baseia-se muito no estilo de trança embutida. O que não deve ser dificuldade nenhuma para quem já faz esse tipo de trança.

Um penteado bastante diversificado que não leva muito tempo para ser produzido, mas que tem muito charme e elegância para diversas ocasiões. Para festa, balada, formatura, e por que não casamento? Abuse desse novo corte e surfe na onda dessa tendência.

Galeria de fotos

https://www.instagram.com/p/BHtG2pVDvaZ/

View this post on Instagram

#TrançaZigzag

A post shared by SALÃO FIOS DE OURO 💅💄💇‍♀️👌 (@salao_fios_de_our) on

Videos do nosso Canal no Youtube

/* ]]> */