Emagrecimento Nutrição

Xilitol: saiba quais são os seus benefícios e como usar

Você já ouviu falar no adoçante Xilitol? Ou melhor, já ouviu falar de suas propriedades nutritivas e nos benefícios à saúde que vêm conquistando o gosto dos brasileiros?

Por mais que o mercado consumidor tente, nada substitui os valores nutricionais encontrados nas frutas e vegetais quando comparados aos açúcares industriais que estão presentes na mesa do brasileiro.

Chegando como uma aposta saudável, o Xilitol é um açúcar tão doce quanto a sacarose, só que bem mais nutritivo, já que é um produto obtido a partir de fibras vegetais.

Mas não são apenas esses fatores que tornam o Xilitol a escolha número um de quem quer uma vida mais saudável.

O adoçante Xilitol possui bem menos calorias do que o açúcar comum e, também, traz como vantagem a capacidade de manter os níveis normais de açúcar no sangue, já que não possui frutose, que é o fator principal que leva a resistência de insulina, tornando-se uma boa opção para os diabéticos.

As vantagens do Xilitol

Como o Xilitol é um açúcar sem qualquer tipo de frutose, não é contraindicado por quem possui qualquer tipo de problema metabólico. Muito pelo contrário, o adoçante é bastante utilizado e indicado por pessoas obesas que desejam conseguir uma perda de peso significativa através de um método saudável, por diabéticos, pré-diabéticos e pessoas que possuem certa dificuldade em sua regulação metabólica.

Entre as vantagens que o Xilitol pode trazer, destacam-se:



  • Mesmo sabor que o açúcar feito de sacarose de milho;
  • Redução considerável de gordura e açúcar no sangue que esteja em excesso;
  • Melhora a saúde bucal;
  • Aumenta a massa magra muscular;
  • Ajuda no combate ao envelhecimento precoce;
  • Ajuda consideravelmente na perca de peso e no controle do diabetes.

Cuidados necessários para a ingestão do Xilitol

Tudo em excesso não faz bem e o Xilitol não escapa à essa regra.

Mesmo tendo milhares de motivos para ser adotado na dieta, o Xilitol, quando utilizado em excesso, pode trazer efeitos nada agradáveis ao corpo.

A propriedade extremamente doce do Xilitol tem poder laxativo que, ao ser usado em grandes quantidades, desregula a flora intestinal de quem o consumiu. Por isso, é importante limitar-se à doses baixas do açúcar sem que ultrapasse o valor médio de 60g ao dia.

Existe uma variação considerável de pessoa para pessoa, mas é sempre bom não abusar.

O Xilitol para a saúde bucal

O agente bacteriano causador da cárie bucal alimenta-se da glicose presente nos alimentos que ingerimos. Quando optamos por fazer a troca, automaticamente matamos essas mesmas bactérias por meio da inanição, já que não existe glicose para elas ingerirem. Apenas o Xilitol que não é compatível para as bactérias no caso.

Outra vantagem quanto à saúde bucal é que não há redução de nenhuma bactéria boa que cuida do pH bucal, mas sim há um aumento considerável quanto à produção de saliva na boca e na absorção de cálcio, que deixam os dentes mais fortes e resistentes contra possíveis quebras.

Outras finalidades para o Xilitol

Quem pensa que nunca experimentou o sabor do Xilitol pode se surpreender ao constatar que ele é bastante utilizado na produção de refrigerantes, balinhas, chicletes, sucos, pasta de dente e outros produtos industrializados.

Em alguns casos, o Xilitol também é usado para adicionar um saber mentolado a uma receita caseira ou balas refrescantes.

No todo, o Xilitol possui mais aspectos positivos que negativos, sendo uma fonte mais saudável para a ingestão de açúcar do que as que temos disponíveis hoje no mercado. Então, o que você está esperando para substituir o açúcar pelo Xilitol em sua alimentação? Todos os benefícios são garantidos e só quem tem a ganhar é você.

Sobre o autor

Raiane

/* ]]> */